Manaus, 02/02/2023

Educação

Alunos da Prefeitura de Manaus da zona Oeste recebem certificação do Proerd

Alunos da Prefeitura de Manaus da zona Oeste recebem certificação do Proerd
02/12/2022 15h10

A parceria entre a Prefeitura de Manaus e Polícia Militar do Amazonas (PMAM) formou mais de cem estudantes da Secretaria Municipal de Educação (Semed), que estudam em escolas da Divisão Distrital Zonal (DDZ) Oeste, nesta sexta-feira, 2/12, no Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd). A cerimônia aconteceu no Ministério Apostólico Gerando Vidas, localizado no bairro Compensa, na zona Oeste da cidade.

Os formandos são estudantes do 5º ano que participaram das formações durante o segundo semestre de 2022. Além desses alunos, algumas crianças do pré-escolar também participaram das formações com o Proerd Kids, no entanto não receberam certificado.

Para a assessora da Gerência de Atividades Complementares e Programas Especiais (Gacpe), Lourdes Souza, a parceria com a PM é benéfica para a rede municipal de ensino porque os estudantes têm acesso a uma formação que trabalha diversos tipos de prevenção.

“Depois dessas aulas, as crianças sentem mais segurança em si mesmas. A partir do que eles abordam, eles trabalham com as prevenções de todos os tipos. Trabalham com as prevenções às drogas, mas de uma forma não repressora”, explicou a assessora.

Para o estudante Eli Samuel Lopez, 10, do 5º ano da escola municipal Maria Fernandes, foi um grande aprendizado. “As aulas foram legais, eu aprendi muitas coisas. Falaram para não acompanhar pessoas que fazem coisas erradas e nem me envolver com crimes ou outras coisas que possam complicar minha vida”, explicou.

O subtenente Sérgio Pacheco, um dos mentores do Proerd, explicou que esses ensinamentos são voltados justamente para que a criança tenha autonomia para essas escolhas voltadas à cidadania.

“Durante esse período, no segundo semestre, nós ensinamos para os nossos alunos primeiro o respeito, a honra e a honestidade. Durante os três meses que nós passamos nas escolas, ensinamos a serem bons cidadãos, que eles possam fazer a diferença, que eles tenham objetivo, atitude e principalmente respeito com o ser humano e com si próprio e precisam saber que droga faz mal”, finalizou o subtenente.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.