Manaus, 15/08/2022

Mundo

China registra caso de cólera na Universidade de Wuhan

China registra caso de cólera na Universidade de Wuhan
11/07/2022 11h40

A Universidade de Wuhan, na China, divulgou ter sido detectado dois dias atrás um caso de cólera em um estudante, de acordo com informações veiculadas nesta segunda-feira (11) pela imprensa local. Um hospital de Wuhan, cidade que foi a raiz da pandemia da Covid-19, notificou na noite de sábado o Centro para Controle e Prevenção de Doenças do país asiático, sobre o registro de um paciente apresentando diarreia, vômito e febre baixa, sintomas causados pela bactéria Vibrio cholerae.

Após exames de aglutinação serológicos, que requerem 48 horas para a obtenção de resultado, o órgão de saúde confirmou que o estudante deu positivo para o serogrupo 0139, um dos que causam surtos desta doença, que, sem o tratamento requerido, pode causar a morte.

O paciente, segundo autoridades locais, foi submetido imediatamente ao tratamento correspondente. Sua situação de saúde foi controlada e os sintomas já desapareceram, de acordo com fontes locais.

Como sempre acontece na China quando surge uma suspeita de cólera – assim como de outras doenças transmissíveis -, foi preparado um dispositivo de investigação para rastrear outros possíveis contágios.

Diferentes órgãos estatais trabalham na realização dos exames, acompanhamentos de infectados, também houve atuação para interditar e desinfectar locais suspeitos.

Por causa disso, os alunos da Faculdade de Engenharia da Universidade de Wuhan, onde o paciente estuda, foram submetidos a análises de amostras para determinar se há mais contaminados.

Na China, a cólera é considerada uma doença infecciosa de classe A, e a temporada de alta incidência de contágios acontece de maio a outubro de cada ano.

De acordo com dados do Escritório de Controle e Prevenção de Doenças da Comissão Nacional de Saúde, entre 2020 e 2021, foram reportados 16 casos da cólera no país, sem registro de mortes.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.