Manaus, 02/10/2022

Cidade

Fonte do Saber: Primeiro museu interativo de ciências de Manaus inicia as atividades. Espaço está disponível para estudantes da capital

Fonte do Saber: Primeiro museu interativo de ciências de Manaus inicia as atividades. Espaço está disponível para estudantes da capital
24/08/2022 15h50

Nesta quarta-feira (24), estudantes da Ocas do Conhecimento Ambiental do Puraquequara deram o pontapé inicial para as visitas à Estação Fonte do Saber. O espaço é o primeiro museu interativo de ciências da cidade e oferece aos visitantes o contato com o ciclo da água, em um ambiente que simula um laboratório de ciências com atividades lúdicas e interativas.

A Estação Fonte do Saber está localizada na sede administrativa da Águas de Manaus, no Aleixo, e irá funcionar às segundas-feiras e quartas-feiras, com turmas de 40 pessoas nos turnos matutino e vespertino. O espaço estará disponível para toda população da cidade, em especial, para turmas de estudantes de escolas públicas e particulares, por meio de agendamentos.

O local despertou a curiosidade dos alunos. Para a coordenadora da Ocas, Érica Kelly Amorim, a iniciativa vai de encontro ao objetivo da Secretaria Municipal de Educação (Semed) de promover a conscientização ambiental entre os estudantes. “Saber usar de forma correto os recursos naturais é uma garantia para que as futuras gerações possam utilizá-los por muito mais tempo. Parabenizamos a empresa Águas de Manaus por proporcionar esse momento aos estudantes da rede municipal”, destacou a gestora.

Além de se tornar um novo espaço de conhecimento, a Fonte nasce com o objetivo de ampliar a educação ambiental na cidade, contribuindo para a formação de cidadãos mais sensíveis em relação ao tema.

“A Águas de Manaus entende que é preciso investir na educação, principalmente dos jovens, para que possamos mudar o futuro da cidade em relação ao saneamento básico, a sustentabilidade. A Estação Fonte do Saber é um sonho realizado, pois acreditamos que oferecendo conhecimento, estaremos ofertando também condições para transformação e melhoria na qualidade de vida dos manauaras”, destacou o diretor-presidente da concessionária, Thiago Terada.

Na Fonte do Saber, é possível aprender sobre os principais processos pelos quais passa a água: desde os mananciais, suas aplicações de uso, processo para se tornar potável e o seu retorno à natureza, por meio do processo de tratamento de esgoto. O espaço também mostra os fenômenos que ilustram o comportamento da água em diversas situações, além de suas principais características.

Para a estudante do 7º ano do ensino fundamental, Amanda Dolzone, de 12 anos, a experiência trouxe muitos ensinamentos. “Hoje eu aprendi tanta coisa que não vejo a hora de poder falar com meus amigos e familiares sobre tudo. Além de conhecer os processos da água e do esgoto, também podemos utilizar tudo que tem aqui. Foi maravilhoso”.

A Estação Fonte do Saber está dividida nos seguintes espaços:

Água no Mundo: Um comparativo do globo terrestre tradicional com dois pequenos globos que ilustram o real volume de água doce existente no planeta e o volume disponível para consumo humano.

Vila do Saneamento: Aqui, são explicadas as diferenças entre as redes de água tratada, de esgoto e de água pluvial. Por meio das instalações científicas, a ideia é criar uma atmosfera para que os visitantes tenham uma experiência única. O espaço conta com equipamentos que remetem à história da água na vida da humanidade e também aos processos utilizados durante o tratamento do esgoto.

Estação de geração de energia elétrica: Constituída por quatro bicicletas geradoras, sendo uma adaptada para cadeirantes, quando acionadas, as bicicletas geram energia suficiente para acionar as bombas que levarão água até as caixas d’água dos prédios. A ideia é tornar evidente o alto consumo de energia nas unidades de tratamento de água e esgoto.

Já a área externa traz atrações interativas, a exemplo de uma réplica do reservatório do Mocó e uma casa com o circuito hidráulico aparente, desde a entrada da casa até a saída para a rede de esgoto simulada. Assim, os visitantes conhecerão os vazamentos mais comuns e seus impactos no consumo, despertando a consciência para o uso correto da água e como acompanhar o consumo através do hidrômetro.

A área também conta com uma sequência de diorama com três painéis explorando a arte RGB. O objetivo é mostrar o papel e a importância da participação da população nos processos de preservação da vida no planeta. Neste espaço, os visitantes poderão visualizar paisagens conflitantes da cidade de Manaus, com ou sem tratamento de esgoto.

“Aqui oferecemos conhecimento com o intuito de colaborar para sensibilização ambiental da nossa cidade. Cada item foi feito a modo de que despertemos a curiosidade e a civilidade destas crianças e jovens, para que reproduzam em casa”, ressaltou o gerente de Responsabilidade Social, Semy Ferraz.

Agendamentos

Escolas e instituições que tiverem interesse em agendar visitar ao espaço, podem enviar e-mail para www.estacaofontedosaber.com.br/Manaus. O acesso à Fonte do Saber é gratuito.

O espaço está localizado na sede administrativa da concessionária Águas de Manaus, na Avenida André Araújo, 1981, Aleixo.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.