Manaus, 15/05/2021

Cidade

Governo do Amazonas entrega licenças para moveleiros de Carauari

Governo do Amazonas entrega licenças para moveleiros de Carauari
29/04/2021 22h50

O Governo do Amazonas, por meio do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal do Amazonas (Idam), entregou, na última semana, duas Licenças Ambientais Únicas (LAU) para os moveleiros Joel Ferreira da Silva e Elson Paulino da Costa, ambos de atividades ligadas à indústria de mobiliário no município de Carauari (a 788 quilômetros de Manaus).

 

As licenças têm validade de três anos e com elas é possível garantir o credenciamento desses empreendimentos junto ao Programa de Regionalização do Mobiliário Escolar (Promove), executado pela Agência de Desenvolvimento Sustentável (ADS). Vinte famílias que atuam diretamente em empreendimentos mobiliários serão beneficiadas com a liberação dos licenciamentos no município.

 

A chefe do Departamento de Assistência Técnica e Extensão Florestal do Idam, Nadiele Pacheco, destaca que, para viabilizar o licenciamento dessas movelarias é preciso que os empreendimentos absorvam madeira legalizada. E essa madeira é oriunda de Planos de Manejo Florestal Sustentável em Pequena Escala (PMFSPE), que é uma categoria de manejo que o Idam apoia no município, e por meio do licenciamento desses planos é possível a absorção da madeira por parte das movelarias e, consequentemente, o licenciamento das movelarias.

 

“Acontece todo um ciclo de produção nessa área florestal madeireira, onde uma atividade depende da outra. E isso valoriza cada vez mais o manejo florestal e a floresta em pé”, enfatizou Nadiele.

 

Segundo o gerente da unidade local do Idam em Carauari, Átrio Souza, o setor moveleiro tem um histórico de lutas e conquistas em busca do reconhecimento e legalização de suas atividades. “O licenciamento das atividades moveleiras em Carauari representa o resultado de um esforço conjunto e da parceria do setor moveleiro com o Idam, que vem promovendo importantes conquistas para o desenvolvimento rural sustentável”, disse.

 

De acordo com o engenheiro florestal do Idam em Carauari, David Guimarães, a atuação do Instituto na assistência técnica e extensão rural no município vem, no decorrer dos anos, fortalecendo a cadeia produtiva madeireira e a organização social dos extrativistas e moveleiros. “Esse apoio do Idam ao público moveleiro visa gerar renda, valorização do trabalho e o uso sustentável dos recursos naturais”, finalizou.