Manaus, 29/11/2022

Amazonas

Governo do Amazonas lança edital para doação onerosa de aeradores

Governo do Amazonas lança edital para doação onerosa de aeradores
17/05/2022 19h40

O Governo do Amazonas, por meio da Agência de Desenvolvimento Sustentável (ADS), lançou no último dia 16, o edital de credenciamento para doação onerosa de aeradores do tipo chafariz para piscicultura.

Os aeradores são, de modo geral, um equipamento responsável por incorporar o oxigênio na água e quebrar a barreira de temperatura, entre o fundo e a superfície dos tanques utilizados nas atividades de piscicultura. Dessa forma, ocorre uma melhora na uniformidade das espécies cultivadas, que conseguem crescer de tamanho com mais facilidade.

Os produtos disponíveis possuem as seguintes configurações: Aerador 1,5 cv monofásico (394 unidades); e Aerador 1,5 cv trifásico (172 unidades). A quantidade máxima de aeradores por piscicultor é de dez unidades. Os produtos estão sendo disponibilizados aos piscicultores do Estado a preços subsidiados em até 80%.

Na capital, a documentação exigida no edital (disponível no site da Agência) deverá ser entregue na sede da ADS, situada na avenida Carlos Drummond de Andrade, 1460, conjunto Atílio Andreazza, Bloco G – 1º andar, Japiim, zona sul. Nos demais municípios, a entrega poderá ser realizada nas Unidades Locais do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado Amazonas (Idam).

O prazo para apresentação dos documentos será de 12 meses, com início em 16 de maio de 2022 e término em 16 de maio de 2023, ou até o final do estoque do equipamento.

Os documentos necessários estão listados no item 4 do edital 004/2022-CIL/ADS no portal da ADS, aba “Acesso à Informações – Licitações 2022”, no link http://www.ads.am.gov.br/acesso-a-informacao/.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.