Manaus, 09/12/2022

Política

JUSTIÇA ELEITORAL MANDA RETIRAR ‘FAKE NEWS’ CONTRA JOSUÉ NETO

JUSTIÇA ELEITORAL MANDA RETIRAR ‘FAKE NEWS’ CONTRA JOSUÉ NETO
17/09/2018 20h03
A Justiça Eleitoral do Amazonas determinou, nesta segunda-feira (17), que o Whatsapp remova, em até 24h, o compartilhamento de prints de uma falsa conversa entre parlamentares estaduais em um grupo da rede social. Na decisão, a Justiça determina ainda que as operadoras de telefonia informem quem são os titulares das linhas que iniciaram o compartilhamento, sob pena de R$ 10 mil por dia em caso de descumprimento.
No texto da decisão, o juiz eleitoral Ricardo Sales afirma se tratar de conteúdo “inverídico” e “difamatório” que compromete o “saudável debate eleitoral”.
O deputado estadual Josué Neto (PSD), um dos alvos das informações falsas, informou que espera que os responsáveis sejam punidos. “Esse tipo de disseminação é um golpe na democracia, prejudica pessoas. Por isso é importante verificar, sempre antes de compartilhar se aquela informação recebida é verdade”, afirmou.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.