Manaus, 13/05/2021

Amazonas

Médicos orientam pacientes que precisam de tratamento contínuo a não deixar de ir às consultas

Foto: Reprodução/Internet
Foto: Reprodução/Internet
08/02/2021 16h31

A pandemia de coronavírus impôs à população a necessidade do isolamento social, como forma de prevenção à doença. Porém, quem faz tratamento de doenças crônicas ou que necessita de atendimento urgente para outros tipos de enfermidades, não deve deixar de ir às consultas, sob o risco de ter a saúde agravada.

A clínica geral e nutróloga Helen Brandão, da Clínica Vitá, localizada no Amazonas Shopping, ressalta que é preciso manter a atenção com doenças como diabetes, hipertensão, problemas cardíacos, entre outras. “Quem não faz o acompanhamento de forma regular pode ter a situação da saúde agravada. Quem tem doença crônica precisa ir ao médico regularmente”, afirmou.

Outro ponto importante é não deixar de tomar as medicações corretamente. “Algumas receitas têm validade. Por isso, é necessário passar pela consulta para avaliação”, frisou a médica.

Segundo Helen Brandão, as clínicas e consultórios têm montado um esquema de atendimento que segue todas as regras sanitárias recomendadas, para que os pacientes tenham total segurança. Na Clínica Vitá, por exemplo, o atendimento está sendo feito com hora marcada e o espaço passa por sanitização regularmente. O uso de máscara é obrigatório e os pacientes têm à disposição álcool em gel para higienização das mãos.

A médica oftalmologista Cláudia Chaves, da Eye Center, que também funciona no Amazonas Shopping, reforça que mesmo quem não tem doença crônica, mas que necessita de atendimento de urgência – casos, por exemplo, de conjuntivite, aumento da pressão do olho ou corpo estranho na visão – deve procurar atendimento para evitar o agravamento. “A pressão alta do olho, por exemplo, pode causar problemas graves como o glaucoma”, destacou.

De acordo com ela, quem faz uso de óculos e lentes de contato também não deve deixar de ir ao oftalmologista para checkup. “Dor de cabeça constante pode ser um sinal de que é hora de mudar os óculos. É importante não se descuidar da saúde”, frisou.

 Na clínica Eye Center o atendimento também está sendo feito com hora marcada e todas as recomendações, de distanciamento, uso de máscara e de álcool em gel, estão sendo cumpridas.

A clínica Vitá funciona de segunda-feira a sábado, das 8h às 17h  e a Eye Center de segunda-feira a sábado, das 10h às 17h e domingo das 14h às 17h.