Manaus, 29/01/2023

Mundo

Morre mais um jornalista durante a cobertura da Copa do Mundo do Catar

Morre mais um jornalista durante a cobertura da Copa do Mundo do Catar
12/12/2022 11h20

O fotojornalista Khaled Al-Misslam morreu no (10) durante a cobertura da Copa do Mundo, de acordo com o canal de esportes Al Kass TV, do Catar.

Esse é o segundo óbito de jornalistas durante os trabalhos no torneio. O primeiro foi o do repórter americano Grant Wahl, na noite de sexta-feira (9).

Al-Misslam era fotógrafo do Departamento de Criatividade da emissora. A causa da morte não foi divulgada, mas a rede de televisão informou que está de luto pela perda.

“Com enorme tristeza, e corações que acreditam na vontade e no destino de Deus, os canais Al Kass Sports lamentam a morte do falecido”, diz o comunicado.

A morte de Al-Misslam é a segunda de profissionais da imprensa na Copa do Catar. Na madrugada de sábado, o jornalista americano Grant Wahl, de 48 anos, morreu após a partida entre Holanda e Argentina, no Estádio Lusail, pelas quartas de final do Mundial.

Não há ainda informações conclusivas sobre a causa da morte do jornalista. A imprensa americana e agências internacionais informam que o profissional passou mal durante a prorrogação.

Considerado uma das principais referências do país na área da cobertura esportiva, Wahl estava no Catar para realizar a cobertura da sua oitava Copa do Mundo.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.