Manaus, 02/07/2022

Cidade

MUTIRÃO DE LIMPEZA VAI AO VIVER MELHOR 1

MUTIRÃO DE LIMPEZA VAI AO VIVER MELHOR 1
26/09/2018 20h33

O Residencial Viver Melhor 1, no bairro Santa Etelvina, zona Norte da capital, recebe, nesta quarta-feira, 26/9, as equipes de mutirão de limpeza da Prefeitura de Manaus. Ao todo, 150 trabalhadores atuam na área com os serviços de capinação, varrição, remoção de entulhos e jardinagem.

No local, a Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp), estreia, ainda, um equipamento novo de capina elétrica, que extrai o mato por eletrochoques, tornando o serviço mais rápido e eficiente. “Por determinação do prefeito Arthur Virgílio Neto, iniciamos mais uma rota de limpeza no Viver Melhor, desta vez abrangendo a etapa 1 do conjunto. Estamos lançando também mão de um equipamento novo que pode dar mais agilidade no serviço de capina, nos permitindo avançar mais rápido na limpeza da cidade”, comentou o secretário da Semulsp, Paulo Farias.

Durante o começo desta semana, o sistema de som da Semulsp percorreu as ruas do bairro avisando os moradores para disponibilizar seus resíduos. “Muitos já estão colocando seus entulhos para fora dos pátios. É importante essa colaboração e estamos sempre recebendo apoio do cidadão”, disse o subsecretário operacional da Semulsp, José Rebouças.

Com mais de 2 mil moradores, o Viver Melhor 1 conta, ainda, com muitos comércios, o que intensifica o acúmulo de resíduos. A comerciante Lúcia Souza, moradora do Viver Melhor, explicou que muitos não respeitam o horário da coleta e jogam lixo a qualquer hora, o que favorece a sujeira no local. “Nós sempre recebemos uma equipe que vai de porta em porta, avisando sobre o horário da coleta. Se a gente põe o lixo na hora, não há tanto problema”, disse.

Etapas 2, 3 e 4

Os serviços de mutirão e conscientização da Prefeitura de Manaus já estiveram, algumas vezes, nas outras etapas do Viver Melhor este ano.

No último mês de agosto, os mais de 2 mil moradores da etapa 4 receberam duas equipes de conscientização e serviço de limpeza de lixeiras viciadas. “Estivemos falando com os moradores sobre a passagem dos carros coletores. Reunimos também as lideranças da comunidade e o presidente da associação de moradores. Foi muito proveitoso. Hoje, quando voltamos para conscientizar, encontramos um conjunto mais limpo e moradores mais responsáveis”, explicou a coordenadora das equipes de conscientização, Priscila Pontes.

As etapas 2, 3 e 4 receberam as equipes de mutirão de limpeza em abril e agosto.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.