Manaus, 08/12/2022

Polícia

Polícia procura suspeito de matar jovem em Presidente Figueiredo

Polícia procura suspeito de matar jovem em Presidente Figueiredo
19/11/2022 15h40

 

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da 37ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Presidente Figueiredo (a 117 quilômetros de Manaus), identificou, na sexta-feira (18/11), Gilvan da Silva Cruz, como suspeito por um homicídio ocorrido no dia 13 de novembro, naquele município.

 

Conforme o delegado Valdinei Silva, titular da unidade policial, ele é um dos envolvidos na morte de Lucas Tavares Nascimento, que tinha 24 anos, ocorrido na madrugada do dia 13 de novembro deste ano, em uma propriedade particular situada no Km 83 da rodovia federal BR-174.

 

“Na manhã do crime, a filha de Maria da Conceição, uma jovem de 19 anos, compareceu à delegacia para informar que havia sofrido agressões e violência sexual por parte de João, seu padrasto, que também está sendo procurado, e outros dois indivíduos”, explicou a autoridade.

 

O titular detalhou também que, na ocasião, Lucas, companheiro da jovem, foi agredido, torturado e teria sido levado no porta-malas de um veículo de marca Corsa Classic, na cor preta, de propriedade de um dos autores. Posteriormente, Lucas foi encontrado sem vida.

 

Outros procurados e denúncia

João Erasmo Cardoso da Silva, 49, e Maria da Conceição Souza de Almeida, 46, já foram identificados e estão sendo procurados pelo crime. Informações sobre um indivíduo conhecido apenas como “Stanley”, de idade desconhecida, ainda estão sendo coletadas pela equipe de investigação, a fim de identificá-lo.

 

O titular da 37ª DIP solicita a colaboração da população. “Caso reconheçam esses indivíduos ou saibam o paradeiro deles, para que possamos capturá-los, entrem em contato com o 181. A identidade do informante será preservada”, afirmou Valdinei Silva.

 

Quem tiver informações acerca da localização dos envolvidos deve entrar em contato pelo número 181, disque-denúncia da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM).

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.