Manaus, 02/10/2022

Cidade

Prefeitura de Manaus dá início à nova edição do Curso Informal de Cuidador de Idoso

Prefeitura de Manaus dá início à nova edição do Curso Informal de Cuidador de Idoso
22/08/2022 19h50

A Prefeitura de Manaus deu início, na manhã desta segunda-feira, 22/8, ao Curso Informal de Cuidador de Idoso – Edição 2022, que busca capacitar familiares e profissionais em geral sobre as medidas adequadas para cuidar e estimular a produtividade desse público. O curso é promovido pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e irá alcançar 53 participantes, inscritos por meio de um formulário on-line, disponibilizado no dia 6 de julho.

O curso possui carga horária de 20 horas, e será realizado das 8h às 12h, até a próxima sexta-feira, 26/8, no auditório do Departamento de Distrito de Saúde Sul, localizado na avenida Umberto Calderaro, nº 300, bairro São Francisco, zona Sul. A chefe do Núcleo de Atenção à Saúde do Idoso, Maria Eliny Rocha, informou que a iniciativa é preconizada pelo Ministério da Saúde para promoção da saúde de pessoas nessa faixa etária.

“Teremos a participação de diversos profissionais, com expertise na área do envelhecimento, para fazer com que o familiar compreenda o que precisa ser trabalhado com o idoso para estimular que ele se mantenha produtivo. É preciso ressaltar que envelhecimento não é doença, é uma fase da vida que precisa de atenção, assim como todas as outras, para evitar o adoecimento e promover o bem-estar”, disse Maria Eliny.

O conteúdo programático será ministrado por 13 profissionais vinculados ao Disa Sul e convidados externos, e irá abranger temas nas áreas do Envelhecimento; Política Nacional da Pessoa Idosa e Violência contra a Pessoa Idosa; Enfermagem; Fisioterapia; Medicina; Nutrição; Odontologia; Assistência Social; Assistência Farmacêutica e Psicologia.

A diretora do Disa Sul, Rejane Miranda, contou que o curso será uma grande oportunidade para levar informações às famílias, e contribuir com o desenvolvimento profissional de pessoas que atuam em áreas relacionadas, mesmo por não ter carácter técnico-profissionalizante.

“O objetivo é orientar familiares e cuidadores de idosos e assim contribuir com o cuidado com os idosos da nossa cidade, principalmente aqueles que têm algum problema de saúde, como as doenças crônico-degenerativas e que já estão acamados ou em risco de perda de mobilidade”, afirmou.

A estudante de Técnico em Enfermagem, Thaymara Colares, aproveitou a oportunidade para aprender melhor como cuidar de sua avó, e reforçou que os conhecimentos adquiridos no curso serão muito úteis com os futuros pacientes que ela terá contato.

“A minha avó está com princípio de Alzheimer e eu preciso ter mais informações para saber sobre como conduzir os cuidados, para apoiá-la e acompanhar de perto os profissionais que irão cuidar dela. Como faço técnico em enfermagem, acredito que vou ter contato com idosos e, graças a essa iniciativa, vou saber como trabalhar com esse público”, finalizou a aluna.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.