Manaus, 29/01/2023

Amazonas

Programa Estadual de Combate ao Desperdício e à Perda de Alimentos arrecadou mais de 450 toneladas em 2022

Programa Estadual de Combate ao Desperdício e à Perda de Alimentos arrecadou mais de 450 toneladas em 2022
12/12/2022 13h00

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), via Programa Estadual de Combate ao Desperdício e à Perda de Alimentos (PCODEPA) recolheu, em 2022, cerca de 459 toneladas de alimentos. Os produtos arrecadados beneficiaram 291 mil famílias em situação de vulnerabilidade social e nutricional, de 777 instituições socioassistenciais cadastradas, contribuindo para a segurança alimentar dessa população.

O PCODEPA integra as ações do Governo do Amazonas voltadas para a segurança alimentar e nutricional da população em situação de vulnerabilidade. O programa estadual realiza a coleta, em feiras, supermercados e outros estabelecimentos parceiros, de alimentos que não são comercializados, mas que mantêm qualidade para o consumo, tendo todos os valores nutricionais preservados.

A presidente da Associação Navezuarina, Maria Orni de Miranda, destacou o impacto das ações do programa para a associação e as famílias beneficiadas. “O programa tem contribuído positivamente na comunidade, pois coloca um alimento na mesa das famílias. Somos beneficiados com frutas, verduras, e isso ajudou a garantir a segurança alimentar dessas famílias”, comentou Maria Orni.

O coordenador do programa, Carlos Henrique, ressaltou a importância do programa para a população. “O principal objetivo do programa é a arrecadação dos alimentos que perderam seu valor comercial, mas que ainda possuem todos os seus valores nutricionais, com isso mantemos a segurança alimentar da população”, destacou.

Além do PCODEPA, outras ações do Governo do Amazonas voltadas para a segurança alimentar e nutricional da população em situação de vulnerabilidade são o programa de restaurantes e cozinhas populares Prato Cheio, que hoje conta com 44 unidades, sendo 26 no interior; a aquisição de produtos da agricultura familiar para serem destinados a pessoas em vulnerabilidade social; entre outras.

Distribuição e Hortas Urbanas

Após recolhidos pelos colaboradores do programa, os alimentos recebidos pelo PCODEPA passam por triagem e são levados para pesagem, depois do que são destinados para as instituições.

O programa realiza também o processo de destinação correta dos produtos inaptos ao consumo, para produção de compostagem/adubo orgânico. Nesse sentido, foi desenvolvido o projeto Hortas Urbanas em quatro escolas estaduais e municipais da capital, por meio dos quais são coletados cheiro-verde, couve, melancia e quiabo.

Balanço

Em 2022, com o total de 459 toneladas de alimentos coletados, o PCODEPA teve quase o dobro de produtos arrecadados em relação ao montante recolhido nos três anos anteriores do programa. No ano de 2021, foram arrecadadas 155 toneladas de alimentos, beneficiando 498 instituições, e 116 mil famílias.

Em 2020, devido à pandemia de Covid-19, foram recolhidas, de três feiras de Manaus, aproximadamente 50 toneladas de alimentos, beneficiando 50 instituições socioassistenciais e 28 mil pessoas atendidas. Já em 2019, o Programa arrecadou 54 toneladas de alimentos, beneficiando 50 instituições socioassistenciais e 42 mil pessoas.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.