Cidade

Reforma no HPS João Lúcio aumenta número de leitos e a capacidade de atendimento

Reforma no HPS João Lúcio aumenta número de leitos e a capacidade de atendimento

A reforma em andamento no Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio Pereira Machado, no bairro do Coroado, na zona leste de Manaus, de responsabilidade do Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Região Metropolitana de Manaus (Seinfra), irá melhorar o ambiente de trabalho dos funcionários e aumentar consideravelmente a capacidade de atendimento daquela unidade de saúde.

O 1º andar, onde fica uma enfermaria, agora conta com 49 leitos.  Com a reforma, houve um aumento de 14 leitos, que agora contam com réguas com saídas de oxigênio, ar comprimido e rede de vácuo.

O segundo e o terceiro pavimentos passam a ter mais seis leitos com uma régua em cada. Futuramente, mais 21 réguas deverão ser instaladas, aumentando ainda mais a capacidade de atendimento.

Salas especializadas – Embora a reforma ainda esteja em andamento, algumas salas já estão prontas e em pleno funcionamento, como é o caso das salas de raio-x e tomografia.

Parte elétrica – O novo gerador já está instalado em base de concreto, aguardando para ser interligado com a subestação.

Quanto à subestação, toda a infraestrutura foi readequada com a instalação dos novos equipamentos, dos painéis e transformadores, faltando a passagem de cabos para concluir o serviço.

Estação de Tratamento – A Estação de Tratamento de Efluentes Industriais (ETEI) está com as obras bem adiantadas. Dos nove tanques que integram a estrutura, oito já estão colocados em bases e aguardam a interligação e instalação das bombas na segunda semana do mês de dezembro.

Outros serviços – Internamente, estão sendo finalizados os serviços de instalação dos novos elevadores, sendo dois para macas e um social, este que já está funcionando. Também está em fase final a obra de adequação dos halls existentes entre as enfermarias dos 1º e 2º andares.

Ainda está em andamento o serviço de colocação da cobertura do prédio. O centro cirúrgico voltará a ter todas as salas em funcionamento, pois, atualmente, apenas três estão aptas a receber pacientes. Além disso, foi iniciado o serviço de impermeabilização da cisterna do hospital.

Todo esse trabalho está inserido no contexto das obras hospitalares realizadas pela Seinfra, seguindo determinação do governador Wilson Lima, preconizando a melhoria contínua dos serviços prestados pelo estado à população.

O HPS João Lúcio, que há cerca de 12 anos não recebia uma reforma ou manutenção dessa envergadura, não poderia ficar de fora desse projeto.

Via assessoria