Manaus, 01/07/2022

Política

REPRESENTANDO WILSON LIMA, VICE CARLOS ALMEIDA CRITICA O DESMONTE DA UEA

REPRESENTANDO WILSON LIMA, VICE CARLOS ALMEIDA CRITICA O DESMONTE DA UEA
26/09/2018 18h46

Em debate organizado nesta terça-feira (26) por estudantes da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), o candidato a vice-governador na coligação “Transformação por um Novo Amazonas”, o defensor Carlos Almeida (PRTB) criticou o desmonte da UEA, em especial no interior do estado. Defendeu a reestruturação da universidade como propulsor do desenvolvimento científico, fundamental para a geração de emprego e renda no Amazonas. Foi bastante aplaudido quando se pronunciou a respeito da estruturação da cadeia produtiva do Estado.

“A nossa matriz econômica tem sido sempre sustentada com base no modelo da Zona Franca, que deve sim ser fortalecido e ampliado. Mas existem outros modelos que precisam ser fomentados, como o comércio, o setor primário e o desenvolvimento de ciência e tecnologia”, disse o defensor, que representou na ocasião o candidato ao governo Wilson Lima (PSC), que se ausentou por estar em outro compromisso de campanha no mesmo horário.

Egresso da antiga UTAM, hoje Escola Superior de Tecnologia (EST), o candidato a vice-governador do 20 afirmou que, num eventual governo da coligação, serão realizadas audiências públicas para ampla discussão com a comunidade acadêmica sobre o modelo de financiamento da universidade, que tem recebido parcos recursos nos últimos anos, e a Cidade Universitária, obra faraônica que foi pouco discutida no meio universitário e hoje se encontra paralisada, causando prejuízo multimilionário aos cofres púbicos.

“A primeira coisa deveria ter sido a interlocução com a comunidade acadêmica, algo que não aconteceu. Uma das primeiras medidas será a efetivação de audiências, com participação do corpo docente e dicente para discussão a respeito dos rumos da Cidade Universitária. O erro já começou com a decisão unilateral. Estamos falando de gente pensante, que cria o seu próprio destino e deve ter a possibilidade de discutir o destino desta obra de enorme impacto ambiental e social”, ressaltou.

No debate, o defensor também falou sobre as propostas do plano de governo da coligação, em especial na reestruturação e fortalecimento dos serviços públicos de segurança, saúde e educação. Ao fim, foi procurado por vários estudantes, que elogiaram a atuação, as propostas e ideias defendidas pela coligação “Transformação por um Novo Amazonas”.

O acadêmico Andrew Gomes, de 20 anos, elogiou a participação do defensor Carlos Almeida. “Eu não o conhecia. Ele foi sucinto, objetivo. Mostrou as propostas. Estar disposto a vir aqui é um ato de coragem. Isso mostra a responsabilidade com o que está se propondo para o Estado. Tivemos candidatos que não vieram, não se colocaram à disposição”, diz ele criticando o candidato Amazonino Mendes, que confirmou presença, mas não compareceu.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.