Manaus, 21/05/2022

Cidade

Retomada do Zona Azul no Vieiralves é debatida entre Ageman, IMMU, comerciantes e concessionária do serviço

Retomada do Zona Azul no Vieiralves é debatida entre Ageman, IMMU, comerciantes e concessionária do serviço
13/05/2022 21h40

Representantes da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (Ageman), do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU) e da empresa responsável pela operação do serviço de estacionamento rotativo pago Zona Azul estiveram reunidos nesta semana para ouvir sugestões dos comerciantes do conjunto Vieiralves, no bairro Nossa Senhora das Graças, zona Centro-Sul de Manaus, devido à retomada do serviço na área, prevista para o início do próximo semestre.

“É uma determinação do prefeito David Almeida que a gente faça uma avaliação conjunta com todos os órgãos e os comerciantes, para que possamos fazer a retomada do serviço de forma tranquila, beneficiando a todos, promovendo a democratização das vagas e o aquecimento do comércio local”, afirmou o diretor-presidente da Ageman, Elson Ferreira de Andrade.

Durante a reunião, os comerciantes solicitaram uma atenção maior para as áreas de embarque e desembarque, bem como as vagas destinadas aos colaboradores dos estabelecimentos.

O serviço Zona Azul na área do Vieiralves está suspenso há dois anos e ainda não foi retomado porque a Prefeitura de Manaus está finalizando o recapeamento e a sinalização viária, conforme explicou o superintendente do IMMU, Paulo Henrique Martins, que também sugeriu um novo estudo de viabilidade para a região.

“É preciso analisar o fluxo de circulação das vias de forma que o serviço seja viável, pois sabemos que algumas ruas tem uma movimentação menor que outras e são essas de menor fluxo que podem ser usadas como bolsões para os colaboradores”, observou Paulo Henrique.

Atualmente, o serviço Zona Azul oferta 3.323 vagas, sendo 2.694 na área central de Manaus e outras 629 no conjunto Vieiralves.

Para a presidente da Associação dos Empresários do Vieiralves (AEV), Sônia Yara, o diálogo com as partes envolvidas é sempre o primeiro passo para a implantação exitosa de um serviço. “Só assim teremos uma solução viável para todos os públicos envolvidos”, afirmou a empresária.

Avaliação

Ao final da reunião, o representante da concessionária Amazônia, Tecnologia de Trânsito da Amazônia SPE Ltda., Nonato Caldeira, apresentou um cronograma prévio para a retomada do serviço que será analisado pelos empresários e discutido na próxima semana.

“O Vieiralves ainda é uma área residencial, mas com uma tendência muito forte para a área comercial e essa dificuldade de estacionamento precisa ser bem avaliada, de forma que a região fique mais organizada e atrativa para o cliente, que precisa ter a certeza de que quando chegar, irá encontrar vaga para estacionar, fazer suas compras ou utilizar os serviços dos estabelecimentos de forma tranquila”, destacou Nonato.

O sistema do Zona Azul opera com tarifa de R$ 2,45 a hora. Os créditos podem ser adquiridos por meio do aplicativo Zona Azul Manaus, site www.zamanaus.com.br nos postos de venda autorizados ou ainda com os monitores. O serviço é fiscalizado pela Ageman.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.