Manaus, 23/04/2021

Amazonas

Vacinação contra Covid-19 alcança 1.177 agentes da segurança pública no Amazonas

Vacinação contra Covid-19 alcança 1.177 agentes da segurança pública no Amazonas
30/03/2021 22h20

Em três dias de campanha, 1.177 mil servidores da segurança pública do Amazonas já receberam a primeira dose da vacina AstraZeneca, contra a Covid-19, em Manaus. Nesta terça-feira (30/03), terceiro dia da vacinação destinada aos agentes da segurança, teve início a imunização dos peritos e legistas do Departamento de Polícia Técnico-Científico (DPTC), que estão de serviço diariamente. A vacinação está acontecendo em sistema drive-thru no Centro de Convenções de Manaus (Sambódromo), localizado no bairro Dom Pedro, zona centro-oeste da capital.

A expectativa é que sejam vacinados, ao longo da semana, aproximadamente, cinco mil profissionais da segurança, entre policiais civis, militares, bombeiros militares, agentes do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AM) e peritos.

De acordo com o coronel Franciney Bó, o número de vacinados é positivo e a ação vai perdurar até a aplicação da última dose disponibilizada pela Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM) e autorizada pela Justiça Federal.

“Estamos hoje no terceiro dia e a gente pode afirmar que mais de mil agentes de segurança pública já foram imunizados com essa primeira dose. Estão sendo vacinados todos os agentes de segurança que estão de serviço operacional, no combate, em apoio aos hospitais”, explicou.

Sobre o início da imunização dos peritos e legistas, o coronel afirmou que todos os que estão no trabalho operacional, na linha de frente, serão vacinados.

“A partir de hoje, demos início à vacinação dos peritos criminais, legistas, os agentes do Instituto de Criminalística que estão em serviço operacional. É um efetivo que comparece ao local de crime e estão, muitas vezes, expostos a ter contato com pessoas ou corpos que estão contaminados com a Covid-19”, disse o coronel.

Para o perito criminal Wellington Medeiros, a vacinação traz segurança e esperança para a classe, que também atua na linha de frente e esteve trabalhando nas ruas durante toda a pandemia.

“A gente está sempre em locais que têm homicídio. Pela própria situação, atrai muita gente. Até em locais de acidente de trânsito, a gente tem que lidar com várias pessoas ao mesmo tempo, situações excepcionais. É um contato diário para os plantonistas e o risco é constante. Então é importante que a gente se proteja”, afirmou.

Vacinação do grupo prioritário de Segurança Pública e Salvamento

Fonte: FVS-AM

Período: 28 a 30/03/2021

Detran-AM: 25

Polícia Militar: 809

Polícia Rodoviária Federal: 16

Polícia Civil: 167

Polícia Federal: 17

Bombeiros: 136

Defesa Civil: 7