Manaus, 24/09/2022

Política

David Almeida: ‘eles tiveram 40 anos, oportunidade, dinheiro e tempo e não fizeram. Nós estamos fazendo’

David Almeida: ‘eles tiveram 40 anos, oportunidade, dinheiro e tempo e não fizeram. Nós estamos fazendo’
17/08/2022 19h30

 

O prefeito de Manaus, David Almeida, destacou as ações realizadas pela sua gestão, principalmente a recuperação asfáltica promovida por meio do programa ‘Asfalta Manaus’, que vem mudando a realidade das ruas e dos moradores de toda cidade. David lembrou que em menos de três meses, já recapeou mais de 1200 ruas, enquanto a gestão anterior, em oito anos, fez apenas 842 ruas.

“Os caras que estão há 40 anos no poder, recebendo esse voto e a sua confiança, tiveram tudo que um governante precisa para mudar a história do seu estado ou da sua cidade. Eles tiveram tempo, dinheiro e apoio político. Os homens que nos governaram durante os últimos 40 anos, tiveram essa oportunidade que eu estou tendo e não fizeram”, afirmou David para moradores do Santo Antônio, na noite desta terça-feira (16).

De acordo com relatórios da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), em oito anos da gestão anterior, somente 842 ruas foram recapeadas. Em apenas três meses do programa Asfalta Manaus, já foram recuperadas mais de 1200 ruas, sendo que o objetivo é fazer o recapeamento de 10 mil ruas de toda cidade nos próximos dois anos.

“Hoje, já estive no Educandos, na Aliança com Deus, no Nova Vitória, na Cidade de Deus, Grande Vitória, tudo com o trabalho que estamos fazendo com o Asfalta Manaus. Na rua José Tadros, para recapear, nós estamos colocando 1500 toneladas de asfalto. Com esse asfalto, nós faríamos o tapa-buraco em dois bairros inteiros de Manaus, como o Armando Mendes e o Zumbi dos Palmares. Eu não quis me igualar e me nivelar por baixo. A história da infraestrutura viária de Manaus vai se dividir em duas etapas: antes e depois da gestão do David Almeida e do Marcos Rotta. Essa é a realidade”, afirmou o prefeito.

Reforço

Apesar dos números positivos do projeto Asfalta Manaus, David Almeida relatou que a prefeitura vem encontrando dificuldades para seguir avançando com o asfaltamento, pois a refinaria de Manaus não está conseguindo atender a demanda de matéria-prima para a produção do asfalto.

No total, a Prefeitura de Manaus conta com 32 frentes de trabalho para atuarem em diferentes pontos da cidade, porém, devido à capacidade reduzida de produção do CAP, apenas 14 estão atuando diariamente.

“Sabe o que está acontecendo em Manaus? A refinaria não está conseguindo produzir o CAP (Cimento Asfáltico de Petróleo), que é a matéria-prima que mistura a areia e o pó de brita para fazer o asfalto. Eles não conseguem produzir o suficiente para a gente colocar nas nossas 32 frentes de obras. A Petrobras não aguenta a Prefeitura de Manaus, essa é a realidade. Estou pedindo para que eles produzam um pouco mais, porque nunca tiveram uma demanda tão grande de asfalto”, afirmou David Almeida.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.