Manaus, 29/09/2022

Polícia

Dupla suspeita de assassinar jovem de 19 anos é presa

Dupla suspeita de assassinar jovem de 19 anos é presa
11/05/2022 14h42

Eduardo Soares Pereira, 19, foi morto a tiros no dia 2 de novembro de 2021

Na manhã da terça-feira (10), policiais civis da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) efetuaram a prisão de Alexandre Bandeira Franco, 21, e a apreensão de um jovem de 18 anos, envolvidos no homicídio de Eduardo Soares Pereira, que tinha 19 anos. O crime ocorreu no dia 2 de novembro de 2021, no bairro São Francisco, zona sul de Manaus.

Quando o delito ocorreu, o jovem tinha 17 anos, motivo pelo qual responderá por ato infracional análogo a homicídio, sendo encaminhado à Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai).

Em coletiva de imprensa, o delegado Ricardo Cunha, titular da DEHS, salientou que esse é mais um caso bem sucedido, que foi elucidado pelas equipes policiais e resultou na prisão e apreensão dos indivíduos.

A autoridade policial relatou que, na ocasião do delito, a vítima estava sentada em frente a uma lanchonete onde trabalhava, no bairro São Francisco, momento em que a dupla chegou em uma motocicleta e efetuou vários disparos de arma de fogo contra ela, que não resistiu aos ferimentos e foi a óbito.

“Logo após a ação criminosa, iniciamos as investigações e conseguimos identificar Alexandre e o adolescente como autores do delito. Constatamos que a motivação do homicídio seria porque a vítima estaria possivelmente passando informações para uma organização criminosa que anteriormente atuava naquela área, e da qual ela fazia parte”, detalhou o delegado.

Diligências – O titular da DEHS explicou que, com base nisso, foi solicitado à Justiça mandado de prisão e apreensão em nome dos indivíduos, e após as ordens judiciais serem decretadas, os policiais entraram em campo e conseguiram localizá-los no bairro Petrópolis, na mesma zona onde o crime ocorreu.

Procedimentos – Alexandre irá responder por homicídio e corrupção de menores e será encaminhado à audiência de custódia, na Central de Recebimento e Triagem (CRT). O adolescente irá responder por ato infracional análogo a homicídio e ficará à disposição da Justiça.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.