]

Manaus, 19/09/2021

Brasil

Governador Doria (PSDB) exonera  130 trabalhadores da Imprensa Oficial do Estado de São Paulo

Fotos: Cadu Bazilevski
Fotos: Cadu Bazilevski
03/06/2021 15h31

São cerca de 130 gráficos e jornalistas da Imprensa Oficial do Estado de São Paulo que foram demitidos ontem. Doria fechou o excelente parque gráfico da Imprensa Oficial do Estado e o trabalho editorial de excelência lá praticado, patrimônios do povo paulista. A Imesp era responsável, anteriormente, por exemplo, pela publicação de livros da rede estadual de ensino, repassada a empresa privada a preços superiores.

Os jornalistas demitidos que faziam matérias para as páginas editoriais do Diário Oficial. A publicação dessas matérias já havia sido interrompida pelo governo anteriormente.

As demissões e a interrupção do serviço é fruto da lei que resultou na incorporação da Imesp pela Prodesp, outra empresa estatal. O Sindicato e os jornalistas estão, desde de janeiro de 2019, lutando contra essa lei, em unidade com gráficos e outras categorias. Nesta quinta, os trabalhadores também se reúnem em uma assembleia.

 

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.