]

Manaus, 27/07/2021

Cidade

Programa “Amazonas Mais Seguro” contará com mais de 500 câmera

Programa “Amazonas Mais Seguro” contará com mais de 500 câmera
09/07/2021 13h05

Uma das primeiras novidades do programa Amazonas Mais Seguro, lançado pelo governador Wilson Lima, nesta quinta-feira (08/07), é a implantação do “Cerco Inteligente de Videomonitoramento” em Manaus. Composto por 528 câmeras e um sistema de processamento inteligente de informações, a nova estrutura vai dotar as forças de segurança de tecnologia capaz de mapear atuações de quadrilhas, identificar em tempo real placas de veículos roubados ou furtados e auxiliar em investigações de homicídios.

Com o novo sistema, a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) está investindo R$ 34,7 milhões em recursos próprios. As primeiras 21 câmeras, que compreendem o projeto piloto, já estão em operação na capital. Até setembro deste ano, o sistema estará em funcionamento pleno. Desde meados de 2017, a capital amazonense não contava com serviço de monitoramento por câmeras.

“É mais que o simples monitoramento por câmeras. É um sistema tecnológico de ponta com condições de subsidiar investigações policiais e ações preventivas do sistema de segurança”, enfatizou o governador Wilson Lima.

As câmeras serão instaladas em pontos estratégicos da cidade, permitindo observação em tempo real das principais vias e o registro situacional em áreas com altos índices de ocorrências, as chamadas ‘zonas vermelhas’. O banco de imagens é capaz de identificar, em tempo real, se um veículo possui placa roubada, furtada ou fria, acionando alertas no Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops) para que as equipes da Polícia Militar nas ruas possam fazer busca e localização.

“Isso é inédito no estado do Amazonas. O sistema que estamos trazendo para cá é um sistema de ponta, que funciona em poucos estados e poucas capitais brasileiras. E isso vai nos ajudar a solucionar homicídios, vai nos ajudar a continuar fazendo apreensão de drogas, de armas, vai diminuir muito a questão dos roubos a ônibus, levando em consideração que o crime se movimenta sobre rodas”, disse o governador.

As 28 câmeras do projeto-piloto estão instaladas em vias como a avenida Ephigênio Sales, Ponte Rio Negro, BR-319, avenida Rodrigo Otávio, avenida do Turismo, avenida Torquato Tapajós e avenida Max Teixeira.

Além das mais de 500 câmeras de monitoramento fixas na capital, o novo sistema tecnológico contempla, também, uma unidade móvel embarcada com câmeras que podem ser utilizadas em operações especiais no interior do estado.

“Hoje nós contamos apenas com a experiência policial, com o seu feeling na área de serviço. Com essa tecnologia que está sendo implantada, o sistema inteligente vai trazer novas ferramentas para o trabalho policial e vai refletir bastante na segurança da população. Agora, será a capacidade do homem, o seu conhecimento técnico-profissional aliado à tecnologia, e isso refletirá em muito mais em segurança para todos nós”, asseverou o secretário de Segurança Pública, coronel Louismar Bonates.